BANNER PMJM
cmjm 2

Substituição de sinais sonoros por luminosos em escolas em Monlevade é proposto por Fernando Linhares

Medida objetiva não gerar incômodos sensorias a alunos com Transtorno do Espectro Autista

Por Redação/N1 em 08/02/2024 às 15:21:05

Foto: Flávio Lial/Acom CMJM

Os vereadores da C√Ęmara Municipal de João Monlevade aprovou importante projeto de inclusão de alunos com Transtorno do Espectro Autista. A matérias foi aprovada em primeiro turno.

De iniciativa do vereador Fernando Linhares (União), a proposta determina a substituição dos sinais sonoros nos estabelecimentos de ensinos p√ļblicos e privados, visando não gerar incômodos sensoriais aos alunos com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

A proposta, de acordo com Linhares, visa promover um ambiente mais inclusivo e confort√°vel para os estudantes com TEA, reconhecendo a necessidade de adaptação dos sinais sonoros que podem causar ang√ļstias e desconfortos sensoriais para este grupo espec√≠fico de alunos. Fernando informou que vai sugerir, por meio de emenda ao projeto, a instalação de sinais luminosos para atender as crianças com defici√™ncia auditiva.

Segundo Fernando, "é de extrema import√Ęncia que haja essa mudança simples, porém de grande efic√°cia, com intuito de não gerar mais nenhum incômodo a esse grupo de crianças que necessitam frequentar os estabelecimentos de ensino de forma mais agrad√°vel e saud√°vel poss√≠vel".

A matéria prev√™ que os estabelecimentos de ensino t√™m 120 dias para se adequarem às novas regulamentações uma vez que a lei entre em vigor sob pena de multas para aqueles que descumprirem as novas exig√™ncias.


Comunicar erro
Banner SGRA

Coment√°rios

CMJM