arcelor banner
PMJM
Pmjm 1

Hospital Margarida contabilizou cinco mortes de pacientes por dengue e duas por chikungunya

Outras 15 mortes suspeitas por dengue estão em investigação

Por Redação/N1 em 16/05/2024 às 16:49:47

Foto: Divulgação

O Hospital Margarida, localizado em João Monlevade, emitiu um boletim epidemiológico mais completo com relação à morte de pacientes que testaram positivo para dengue ou chikungunya. Os números são referentes ao ano de 2024. Conforme boletim, cinco pacientes morreram na unidade de saúde, com dengue. Desses, três são de Monlevade e dois de Rio Piracicaba.

Sobre os pacientes que residiam em Monlevade, está uma mulher de 37 anos, que residia no bairro Rosário e faleceu no dia 23 de fevereiro. O segundo óbito registrado foi de um homem de 49 anos, que residia no Novo Horizonte e faleceu em 31 de março. A última morte confirmada de morador do município foi em 11 de abril, de uma idosa de 87 anos, que residia no bairro Loanda. Já com relação a Rio Piracicaba, os pacientes eram dois homens, de 60 e 94 anos. Eles faleceram em 18 de março e 9 de abril, respectivamente.

Sobre as mortes em investigação, são 15 pacientes. 10 são de Monlevade e cinco residiam em outros municípios.

Chikungunya

Sobre a chikungunya, o Hospital Margarida registrou dois óbitos confirmados. As vítimas foram duas mulheres, de 75 e 87 anos. A primeira faleceu em 2 de março e a segunda dia 18 do mesmo mês. Elas residiam nos bairros Novo Horizonte e Ipiranga, respectivamente.

Internados

Sobre pacientes internados, há 15 com suspeita de dengue. Desses, 14 são de João Monlevade e um de Sabará.

Comunicar erro
Banner SGRA

Comentários

CMJM