PMJM
Camara CMJM

Campanha da Fraternidade, Residencial Planalto e rua Eduardo Dias são temas de audiências públicas na Câmara de Vereadores

Primeiro encontro será nesta quinta (14), às 18h

Por Redação - Portal Notícia1 em 14/10/2021 às 15:12:39

Primeiro encontro será nesta quinta (14), às 18h - Foto: Flávio Lial/Acom CMJM

O Plenário da Câmara de Vereadores de João Monlevade sediará importantes discussões, já a partir desta quinta (14). Em atendimento ao Requerimento 35, de iniciativa do vereador Belmar Diniz (PT), será realizada Audiência Pública da Campanha da Fraternidade 2021, que tem como tema "Fraternidade e Diálogo: Compromisso de amor". é a partir das 18h.

Já na próxima semana, também na quinta-feira (21), em atendimento ao Requerimento 39, de iniciativa do vereador Fernando Linhares (DEM), o Plenário sediará reunião sobre o Residencial Planalto. Como já informado pelo Notícia1, Fernando Linhares justificou a audiência a partir de uma demanda repassada ao Legislativo. Ele relatou que há um processo na Justiça que determina a reintegração de posse à Caixa Econômica Federal, de 35 imóveis do residencial Planalto, devido a algumas irregularidades. Assim, o vereador tenta junto à Câmara e ao demais envolvidos um diálogo para que as famílias que residem naquelas casas não fiquem sem um local para morar.

Já no dia 4 de novembro, a pauta de outra audiência pública é o trânsito na rua Eduardo Dias, conhecida como rua 2. O pedido de audiência também é do vereador Fernando Linhares. Segundo ele, o objetivo é discutir a situação da trafegabilidade, circulação, sinalização e estacionamento no local. Segundo Linhares, diversos moradores o procuraram relatando o problema na via. "Esta rua vem enfrentando problemas há anos, sem solução. É uma via importante, embora curta, que faz ligação entre a avenida Cândido Dias e Armando Farjado, por onde passam centenas de veículos e pedestres todos os dias. Esta audiência Pública é para que juntos possamos buscar soluções para o local", disse.

Ainda sobre o trecho, o vereador Tonhão (Cidadania) destacou que no início do ano, ele pediu ao prefeito Laércio Ribeiro (PT) várias intervenções no trânsito local, como sinalização horizontal, implantação de rotatória e ainda, análise para implantação de mão única na rua citada. Em resposta, o Executivo, por meio da Secretaria de Serviços Urbanos, respondeu que a manutenção e serviço de pintura horizontal estava condicionada à aquisição de compras de materiais. Além disso, estava sendo analisada a extinção de estacionamento na via, ao invés de ter apenas um sentido de trânsito. O assunto será discutido no Plenário da Casa Legislativa, junto aos vereadores, representantes da Prefeitura, empresários e moradores do trecho.

Comunicar erro
Banner SGRA

Comentários